Música

músicaA música é a organização dos sons, mas que se apresenta com melodia, ritmo e harmonia.

Bem como, cada um tem a sua preferida! Algumas fizeram história e estão imortalizadas.

Elas são classificadas em estilos, e o que faz ela ser de determinado estilo é a sua composição, sempre considerando as três condições citadas acima.

Em outras palavras, a música é um dos símbolos máximos que confraterniza os povos. Por isso, atribui-se a ela o poder de agrupar pessoas.

Porém, nem sempre para curtir-la precisa necessariamente estar em grupo.

Ela é perfeita para se ouvir sozinho, ou em dois, como quando embala os casais apaixonados.

CLÁSSICA – Sons para aprimorar a cultura e alegrar a alma

A música clássica é sem dúvida uma maneira de aprimorar o gosto musical.

  • Ela existe desde o ano de 476, surgiu na França, atravessou continentes e unificou os povos.
  • Muitas pesquisas já foram realizadas sobre a influência positiva da música clássica, ou erudita, na vida de crianças, jovens e adultos.

Principalmente elevando os níveis de controle sobre as emoções e bem-estar.

  • Para as pessoas com doenças neurológicas, ouvir Mozart, por exemplo, auxilia na redução de crises de epilepsia.

Além disso, pesquisas também demonstraram que a música clássica, quando faz parte da rotina da criança, aumenta o QI.
Até mesmo os animais e as plantas se beneficiam da melodia clássica, que convida os ouvidos para atenção no ritmo.
Sem dúvida a música clássica é complexa!


O mundo se curva diante dos compositores clássicos

A música clássica é eternizada na história da humanidade!
Mesmo com novas roupagens, novo arranjos, as verdadeiras obras-primas criadas por:

  •  Johann Sebastian Bach (1685 – 1750)
  •  Antônio Vivaldi (1678 – 1741)
  •  Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791)
  •  Ludwig van Beethoven (1770 – 1827)
  •  Frédéric François Chopin (1810 – 1849)
  •  Johann Strauss II (1825 – 1899)

Entre outros inúmeros compositores, continuam encantando as gerações.
Em suas obras de música clássica, todos os compositores entregam um fato, uma história, com início, meio e fim.
Por isso, normalmente a música clássica é mais extensa. A Nona Sinfonia de Bethoven, por exemplo, tem aproximadamente 80 minutos, e fala com êxtase sobre a alegria e a felicidade.
Já surdo, Bethoven entregou ao mundo a sua obra imortalizada, assim como o seu nome.

  •  Todos os artistas da música clássica, se destacam pela dedicação e empenho.

Afinal são anos de estudos, e necessidade de momentos de inspiração.


Quais são os principais instrumentos da música clássica?

Os instrumentos sofreram variações através dos tempos, no início eram rústicos e poucos.

Hoje na orquestra que executa o estilo musical, podemos encontrar:

  •  Violino
  •  Viola
  •  Harpa
  •  Violoncelo
  •  Contrabaixo
  •  Flauta
  •  Clarineta
  •  Trompete
  •  Tuba
  •  Trombone
  •  Fagote

Mas o que mais chama a atenção é o piano.
A música clássica é um convite ao bom gosto!
Ela acalma a alma e engrandece o coração!

RECENTES